Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Nossas Voltas

A vida dá muitas voltas, e foi numa dessas voltas, que nos tornamos emigrantes e viemos parar a Paris. Um blog sobre um pouco de mim, um pouco de nós, o dia-a-dia e não só.Simples mas cheio de ternura e dedicação!

As Nossas Voltas

A vida dá muitas voltas, e foi numa dessas voltas, que nos tornamos emigrantes e viemos parar a Paris. Um blog sobre um pouco de mim, um pouco de nós, o dia-a-dia e não só.Simples mas cheio de ternura e dedicação!

SAUDADE

Amanhã faz uma semana que viemos de umas mini-férias de Portugal... Foram 7 dias tão curtos que mal tive tempo para "repousar" e passar por aqui...  Foi a última viagem que o Gui viajou gratuitamente de avião (já que em Junho completa já 2 anos!Nem me acredito... O tempo voa!), e foi a primeira viagem em que viajamos apenas os dois (pois o R. não tinha mais férias)... Foram 7 dias intensos, 7 dias que me fizeram reflectir ainda mais sobre esta nossa vida longe do nosso país... 

 

Sempre pensei que com o tempo, as saudades do nosso país, se fossem atenuando... Imaginei até que um dia iria dizer, como ouvimos muitos emigrantes, "na França é que é...  Na França não há nada disto, nem nada daquilo...". Mas não...

 

Mais o tempo passa, mais eu vejo que a saudade aumenta... Mais eu vou a Portugal e eu me apercebo que fica mais difícil regressar aqui... Mais eu vejo o Gui crescer, mais eu acredito que ele teria uma infância mais feliz e saudável em Portugal... 

 

Perguntam-me muitas vezes se tenho saudades do meus país, se penso um dia voltar... Como não ter saudades do cheiro e do sol das nossas praias, do campo e das montanhas? Como não ter saudades de passear tranquilamente na minha cidade? Como não ter saudades da nossa comida, das esplanadas dos nossos cafés, das nossas Igrejas, dos nossos Mercados, das nossas Feiras? Como não ter saudades da nossa Família e dos nossos Amigos? Como não ter saudades das jantaradas, das saídas à noite, das festas em família e/ou entre amigos? 

 

É preciso estar longe e sair do nosso cantinho para percebermos a dimensão da palavra saudade! É preciso acreditar que esta é apenas uma fase das nossas vidas, e que um dia, não muito longe do amanhã, iremos regressar sem arrependimentos e aproveitar melhor tudo o que até aqui não dávamos o devido valor... Só quem está longe é que irá perceber, e só quem está longe é que sabe como fica mais difícil cada abraço de despedida...

 

Nunca me arrependi de ter saído de Portugal e, se o tempo voltasse atrás, voltaria a fazê-lo... O facto de sairmos do nosso país dá-nos uma visão melhor do Mundo, dá-nos uma melhor visão do que realmente queremos, e do que é mais importante para nós...

IMG_8594.JPG

SOBRE O FIM-DE-SEMANA DE PÁSCOA...

Pelo quinto ano consecutivo passamos a Páscoa na Alemanha...

Mas desta vez foi diferente...

Foi tão bom ver a ALEGRIA do Gui...

Como ele adora estar rodeado de pessoas queridas...

Foram 3 dias que mais pareceram 3 semanas de desenvolvimento...

Foi impressionante como o Gui cresceu...

O lado menos bom disto tudo, foi a hora da partida...

Foi de partir o coração...

Tão pequenino, mas já percebeu que a hora da despedida dói,

e dói muito...

A partir de agora vai ficar ainda mais difícil

a hora de dizer "vamos até ali mas voltamos já"...

IMG_8394.JPG

CONTADO NINGUÉM ACREDITA

IMG_8357.JPG

Finalmente chegaram por aqui os oregãos em folhas e o alecrim (em francês, romarin)! Pode parecer mentira, mas estas especiarias não existiam simplesmente nos supermercados daqui.

 

Ora nós, consumidores de oregãos, víamo-nos obrigados a trazer sempre uns 2 ou 3 fresquinhos connosco, cada vez que íamos a Portugal. Nem consigo compreender como é que eles não tinham estas ervas aromáticas, de qualquer forma agora já sabemos que, pelo menos, no Lidl vamos encontrar o que tanto procurámos quando chegámos aqui! 

 

"Novidades"... Dizem eles por aqui! (até me deu vontade de rir quando vi esta placa!!!)

O MEU SUPER PAI

Somente os Melhores Pais se transformam em Super-Avôs,

como TU!

E é por seres assim,

tão genuíno e tão generoso,

 que és o meu Ídolo Favorito!

 

FELIZ DIA A TODOS OS SUPER PAIS

(não esquecendo o R., o Super Pai do Gui 💙)

IMG_8289.JPG

ALTERAR A MORADA NO CARTÃO DE CIDADÃO - PARTE 2

IMG_8272.JPG

Lembram-se do post que fiz sobre a "alteração da morada no Cartão de Cidadão"? Pois é, depois de descobrir que podia comprar o bendito leitor de cartões, pedi à minha mãe para comprar um e trazer-nos quando viesse cá em Fevereiro, pois teríamos que mudar novamente as nossas moradas... E assim foi, a minha mãe lá me comprou o aparelho, por cerca de 20 euros, e eu estava toda entusiasmada pois ía mudar não só as nossas moradas, como a morada do Gui (uma vez que da última vez não tinha encontrado os códigos do cartão de cidadão dele).

 

Assim que nos mudámos, fomos então ao site do Portal do Cidadão, que por sinal não é nada evidente e prático, criamos a dita Chave Móvel Digital (CMD) e, com os PIN's de autenticação do Cartão de Cidadão, fizemos os pedidos para alterarmos a nossa morada. O problema é que tudo isto correu bem para mim e para o R., já para o Gui, como tem menos de 16 anos, não foi possível fazer nenhuma alteração online pois simplesmente o sistema não deixa, a alteração tem que ser feita presencial num Balcão ou num Consulado, sendo que para isso é necessário:

- a apresentação do Cartão de Cidadão; 

- o acompanhamento de um maior (de preferência, pai ou mãe) identificado com Bilhete de Identidade, Cartão de Cidadão, Autorização/Título de Residência ou documento de inscrição no Consulado.

 

Ficamos parvos com esta situação! Como é possível não conseguirmos fazermos a alteração da morada do nosso filho, via online?! Não deveria o Cartão de Cidadão de uma criança estar conectado a pelo menos um dos Cartões de Cidadão (da mãe ou do pai) de forma a que possamos fazer também esta alteração simultaneamente?! 

 

Com isto, o Gui continua com uma morada totalmente diferente da nossa, com uma morada que já não faz parte das nossas vidas... Ir ao Consulado de Portugal a Paris está totalmente fora de questão... E com tantos entraves, lá teremos que continuar com a esta situação irregular, só vamos fazer esta alteração da próxima vez que formos a Portugal!

GENTE QUE SE PREOCUPA COM A GENTE!

IMG_8196.JPG

Hoje entregamos as chaves do nosso antigo apartamento, moramos lá quase quatro anos, e por incrível que possa parecer sentíamo-nos bem naquele lugar. 

 

Tal como este apartamento, onde moramos agora, também aquele foi encontrado no site da "leboncoin", só que este pertencia a um particular, não a nenhuma agência... O senhorio, um ex-construtor reformado com os seus 70 e muitos anos, era o proprietário de todo o edifício, tinha sido construído pela empresa dele... O edifico tinha apenas três andares, cada andar tinha quatro apartamentos, e o nosso ficava no último andar... Não tinha elevador, tínhamos um lugar de estacionamento no exterior e uma cave... 

 

Lembro-me da primeira vez que fomos ver o apartamento, ficamos imediatamente convencidos que era uma boa escolha, pelo edifico que era, pela área que apresentava (50 metros2) e pela proximidade ao meu local de trabalho... Na altura só tínhamos um carro, e não queríamos comprar outro, por isso, a maior parte das vezes ía a pé (quer dizer, vinha a pé para casa, porque como trabalhava de noite, o meu marido levava-me sempre)...  

 

Quando nos mudamos para ali, pensavamos que a relação com os vizinhos seria semelhante àquela que tínhamos no nosso apartamento do Porto... Felizmente, estávamos enganados, havia uma espécie de mini-comunidade... Pouco a pouco fomo-nos conhecendo... Não éramos propriamente aqueles vizinhos que íamos bater à porta para pedir um "bocadinho de salsa", mas éramos suficientemente próximos... Cumprimentávamo-nos, falávamos do nosso país, das férias... Sabíamos quando estávamos ausentes e porque estávamos ausentes... Havia uma certa preocupação em saber se estávamos bem...

 

Foi bom sentirmo-nos bem longe da nossa verdadeira casa, foi bom encontrarmos vizinhos assim, foi bom saber que, aqui, ainda existem pessoas que gostam de viver em comunidade.... Foi bom saber que existe gente que se preocupa com a gente! ❤️

COMEÇARAM AS MUDANÇAS

Já me mudei de Viana para Lisboa, de Lisboa para Viana, de Viana para o Porto e do Porto para os arredores de Paris... Confesso que detesto andar em mudanças, e se pudesse arranjava alguém que as fizesse por nós... Enfim... Desta vez, prometemos que será a última vez que nos mudamos cá em França, por isso da próxima vez as mudanças serão daqui para Portugal... Ainda há muita gente que não acredita que o façamos, vamos deixar o tempo passar, e se tudo der certo, daqui a um tempo estarei a relatar essa próxima mudança!

IMG_8084.JPG

COISAS DE FRANCESES

E se eu vos disser que, por estas bandas, existem apartamentos de 10m2?! Parece impossível, mas é verdade, e acreditem que existe uma grande oferta. A pensar neste tipo de habitações, os franceses têm um electrodoméstico que possui as três funções numa única peça: fogão, forno e máquina de lavar louça! Uma ideia genial, não acham?!

IMG_8099.JPG

E por aí, aguém conhecia este electrodoméstico?

GESTOS SIMPÁTICOS

IMG_8076.JPG 

Andava a algum tempo para experimentar o pão de uma padaria que abriu recentemente perto daqui, por isso aproveitei que estávamos perto da padaria e fui comprar pão... Escolhi três pães diferentes, a senhora lá me fatiou o pão, somou tudo, dei-lhe 10 euros para pagar, e quando vai a registar o pedido, começa a contar o troco que tem que me dar e olha para mim com "cara de espanto"... Pede-me para ir mais um bocadinho à frente e diz-me, sorrateiramente, que se enganou a registar o pedido, que só colocou um pão na conta... Olha para a fila de gente que ainda tinha para atender e diz-me baixinho: "deixe ficar assim, aproveite que hoje vai levar pão de graça, como assim daqui a uma hora vai acabar por ir para o lixo, porque a padaria vai fechar"! Confesso que não estava mesmo nada à espera daquele gesto, até porque bastava fazer outra conta e colocar os outros dois pães que faltavam pagar... Agradeci e vim-me embora... É claro que não fiquei mais "rica" com este gesto, mas que soube bem ao coração, ai isso soube! Afinal  ainda existe gente simpática por estas bandas...

COMPRAS NATALÍCIAS

IMG_7965.JPG

Confesso que nunca fui tão fã das compras online como agora... Tudo começou desde que emigramos... Começamos a comparar os preços nas lojas com os preços online e para nosso grande espanto, para uma grande série de produtos, os preços online eram muito mais convidativos... Resultado: agora mesmo que o preço seja o mesmo, acabamos por comprar o produto via online, pois perde-se imenso tempo a procurar a loja que vende o artigo mais barato e no trânsito! 

 

Este ano, até os presentes de Natal foram comprados assim, pois chegamos a Portugal apenas no dia 24 de Dezembro... Só espero agora que tenhamos tempo para levantar os presentinhos e fazer os embrulhinhos... Mas claro está, que o melhor presente, é a nossa companhia! (Eh... Eh... Eh...)

ESTA É A CARA...

IMG_7893.JPG

... Que eu coloco cada vez que penso

que ainda não compramos as viagens de avião

para irmos a Portugal!

Tudo porque, este ano, as companhias áreas

colocaram os preços das viagens ao preço do ouro!!!

COISAS DE MÃE

IMG_7884.JPG

Ultimamente o Gui tem nos surpreendidos com imensas palavras novas, e várias tentativas de frases em "chinês" (Eh... Eh... Eh...)... A maior parte das vezes fica difícil saber o que ele realmente quer, pois existem inúmeras palavras que se assemelham!

 

Tendo em conta a imagem, devem ter ficado a pensar que lhe falamos em francês... Mas nada disso, apenas coloquei esta imagem pois achei que se identificava imenso com esta fase. Seria simplesmente artificial se lhe falássemos em "francês", já que somos portugueses e sempre falamos português... Confesso que, às vezes, ainda gozamos com a situação, e falamos umas frases em francês entre nós...

 

O Gui compreende perfeitamente o português, e embora cá em casa não façamos nenhum esforço para ele aprender o francês, sabemos que isto nunca será nenhum obstáculo para a sua aprendizagem já que acabará por aprender esta segunda língua com a ama e com os seus amiguinhos. Queremos que ele aprenda a língua francesa, mas queremos também que ele domine a língua portuguesa para que possa comunicar facilmente com a nossa família!

MADE IN PORTUGAL

Faz mesmo bem à alma entrar num supermercado

e encontrar produtos portugueses em destaque... 

IMG_7855.JPG

IMG_7856.JPG

E que belos produtos que hoje encontrei por aqui!

DE VOLTA

IMG_7854.JPG

É verdade, chegamos ontem à noite aqui...

 Estes dias passaram mesmo a voar...

E se cada partida custa cada vez mais e mais,

de uma coisa estou certa:

quantas mais vezes vamos a Portugal,

menos vai custando estar aqui...

Sim porque, a correr bem,

passaremos o Natal também em Portugal!

(Já pararam para pensar que o Natal está quase aí?!)

DE REGRESSO

IMG_7671.JPG

Pois é, as férias terminaram na passada terça-feira, dia em que regressamos a França... A vontade de voltar, como sempre, não era nenhuma mas lá teve que ser... Confesso que cada vez que vamos custa-nos cada vez mais cada abraço e cada beijo de "despedida", e por mais viagens que façamos acho que esta saudade nunca irá diminuir, muito pelo contrário, irá sempre aumentar!

 

Desta vez fizemos um plano, traçamos um objectivo para regressarmos definitivamente a Portugal, por isso prometemos um ao outro que até 2022 teríamos que voltar, altura em que o Gui entrará para a escola primária.

 

Foram umas férias muito intensas, vividas a grande velocidade... Aproveitamos cada segundo e procuramos estar o máximo de tempo com a nossa família e os nossos amigos... Para quem segue o Blog através do Instagram apercebeu-se que demos um saltinho até ao Algarve e Batizamos o nosso Principezinho (prometo fazer um post sobre este último tema)... Sabemos que o tempo nunca é suficiente para matar todas as saudades que vamos acumulando, mas deu para recarregar as baterias necessárias para o próximo regresso.

 

Agora é arregaçar as mangas e continuar nesta "luta",  confesso que desta vez está a ser um bocadinho mais complicado voltar à rotina... Prova disso é o Gui que vem habituado a andar na rua o dia todo... De colo em colo e de casa em casa... É notória a sua insatisfação aqui em casa pois além da falta da "liberdade" também lhe falta o sol e o calor, coisa que por estas bandas já não aparece há muito tempo (pelo menos foi o que a malta daqui já fez questão de nos dizer). Só para terem uma ideia, o simples facto de andar mais vestido deixa o Gui todo zangado e quer a todo o custo retirar a roupa e andar descalço... Enfim, nada que o tempo não faça esquecer!

 

Agora é voltar ao trabalho e torcer para que o nosso plano dê certo! 

 

E por aí, as férias também foram boas?!