Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Nossas Voltas

A vida dá muitas voltas, e foi numa dessas voltas, que nos tornamos emigrantes e viemos parar a Paris. Um blog sobre um pouco de mim, um pouco de nós, o dia-a-dia e não só.Simples mas cheio de ternura e dedicação!

COISAS DE MÃE

IMG_7884.JPG

Ultimamente o Gui tem nos surpreendidos com imensas palavras novas, e várias tentativas de frases em "chinês" (Eh... Eh... Eh...)... A maior parte das vezes fica difícil saber o que ele realmente quer, pois existem inúmeras palavras que se assemelham!

 

Tendo em conta a imagem, devem ter ficado a pensar que lhe falamos em francês... Mas nada disso, apenas coloquei esta imagem pois achei que se identificava imenso com esta fase. Seria simplesmente artificial se lhe falássemos em "francês", já que somos portugueses e sempre falamos português... Confesso que, às vezes, ainda gozamos com a situação, e falamos umas frases em francês entre nós...

 

O Gui compreende perfeitamente o português, e embora cá em casa não façamos nenhum esforço para ele aprender o francês, sabemos que isto nunca será nenhum obstáculo para a sua aprendizagem já que acabará por aprender esta segunda língua com a ama e com os seus amiguinhos. Queremos que ele aprenda a língua francesa, mas queremos também que ele domine a língua portuguesa para que possa comunicar facilmente com a nossa família!

O PODER DA VIDEOCHAMADA

Nunca pensei que as videochamadas fossem ter um papel tão importante nas nossas vidas... Começou quando emigramos para cá e ganhou ainda mais impacto assim que o Gui nasceu... É impressionante como um simples "clique" nos aproxima das pessoas que estão longe de nós, e nos faz parecer que estamos "lado a lado"... E essa aproximação até o Gui a sente.

 

Hoje o Gui conhece perfeitamente todas as pessoas que comunicamos regularmente, através da internet por videochamada. Nunca pensei estar tão grata a este sistema pois graças a isto, e apesar de estarmos distantes a maior parte do tempo, de cada vez que voltamos a Portugal o Gui conhece perfeitamente todas as pessoas como se convivesse com elas pessoalmente todos os dias. 

 

E se um dos meus maiores receios quando o Gui nasceu era que ele não reconhecesse os avós e as pessoas que nos são mais próximas, hoje sei que posso contar com esta tecnologia para nos ajudar a reforçar estes laços!

 

Só para vos dar um exemplo, deste última vez que fomos à Portugal, ao chegarmos ao aeroporto do Porto, assim que o Gui viu a minha mãe, correu na direcção dela com um grande sorriso como se nunca se estivesse afastado dela! 💙

IMG_7870.JPG

O GUI FEZ 17 MESES

O Gui fez 17 meses no passado dia 6... Pesa agora cerca de 12.500 gr e mede 83cm.  

 

Neste último mês não houve nada verdadeiramente marcante, no fundo, mantém-se tudo o que tenho vindo a descrever nos últimos dois meses: muitas traquinices, muitas  travessuras e muitos desafios. A sua curiosidade está cada vez maior, tal como a capacidade de observação, por isso adora imitar tudo e todos.

 

Começou a aventurar-se a descer degraus sem ajuda (como é óbvio, nem sempre corre bem, mas não faz nenhum drama quando corre mal), começou a tentar colocar cubos uns em cima dos outros  de forma a construir "torres" (mas ainda é uma tarefa um pouco complicada), continua a adorar dançar e passear, e passa a vida a testar todos os seus limites. Tão pequenino e já quer fazer imensas coisas sem ajuda, é claro que muitas coisas não dá para deixarmos, mas outras permitimos que ele o faça, sempre connosco por perto, de forma a ajudá-lo a crescer.

 

Mamã, papá e gato são as suas palavras favoritas, e para além de "água" ("bábua"), diz também muito bem "titi" (tia), papar (diz mais "papa", pois o "r" ainda é muito complicado para dizer) e "papo" (esta última palavra dá para papo e sapo... Eh... Eh... Eh...)... Sem contar com todas as expressões e frases em "chinês" que passamos a vida a decifrar (Eh... Eh... Eh...)! 

 

Conhece todas as pessoas que mantemos  mais contacto (quer pessoalmente, quer via internet) e não fica muito incomodado com pessoas estranhas, bastam uns minutinhos para ele se sentir à vontade. E se em casa chega a ser uma "pestinha", fora de casa e com estranhos torna-se um verdadeiro anjinho!

 

E é desta forma que vai crescendo o nosso Amor Maior! 💙

IMG_7867.JPG 

A ÚLTIMA DO GUI

IMG_7821.JPG

Se há coisa que o Gui adora é tudo o que não lhe pertence, mais concretamente tudo o que é dos adultos e ele sabe que não deve ter. Mas este "objectos proibidos" muitas vezes são dados, como forma de o deixar explorar ou de evitar uma grande birra, por isso lá vamos cedendo e dar-lhe alguns objectos... Hoje foram as chaves de casa...

 

O meu marido chegou a casa com o Gui, e mais uma vez, como tantas outras vezes, o Gui "cismou" que tinha que ter as chaves... Numa tentativa de o deixar contente, o meu marido lá lhe deu as chaves... Dirigiu-se à varanda para abrir os estores da porta da varanda, e mal o estores se começaram a levantar, o Gui fez uma birra para ir brincar até à varanda... E mais uma vez, lá conseguiu o que queria... Enquanto que o Gui brincava na varanda, o meu marido foi à cozinha pousar uns sacos... Foi o tempo suficiente para o Gui aparecer à beira dele, com cara de espanto, a tentar transmitir uma mensagem: "a, a, a-a?!"... Hum... Não tinha feito "coisa boa"... Rapidamente se fez um "clique" sobre o paradeiro das chaves... Vai até à varanda e não escontra as chaves em lado nenhum, olha para o jardim (sim, porque moramos no segundo andar) e lá estavam as chaves de casa no meio dos arbustos!

 

Felizmente a porta de casa não estava fechada à chaves, porque se fosse preciso sair à rua, teriam que esperar que eu chegasse a casa, uma vez que eu estava a trabalhar! Fartei-me de rir com a situação pois ainda estava a trabalhar quando o meu marido me enviou uma mensagem a contar esta peripécia! 

 

Tão pequenino e já tão safadinho....

 

E por aí, tenho a certeza que existem muitas peripécias como esta... Contem, contem... 

O GUI FEZ 16 MESES

O Gui fez 16 meses no passado dia 6... Pesa 12.300 gr e mede 82cm... Uma continuação do que já tenho vindo a descrever nos últimos meses: cada dia mais traquina, cada dia mais atrevido (por incrível que possa parecer)!

 

A grande novidade é passar a vida a querer imitar-nos e a querer tudo o que é dos adultos e tudo o que não pode ter nas mãos... Descobriu que é super divertido abrir e fechar gavetas, abrir e fechar armários e retirar tudo o que está dentro das gavetas e dos armários... E se já passava a vida a subir para o sofá, agora aprendeu que é giro saltar em cima dele e descer pelas laterais! 

 

Tem muita mais agilidade a subir e descer escadas de pé, com a mão dada, adora brincar com cubos, virar páginas de livros e ouvir histórias, é mesmo engraçado ver o interesse dele nas figuras dos livros quando apontamos e dizemos os nomes delas.

 

Passa o tempo a testar os seus limites, por isso tenta trepar para cima de tudo, arrasta as cadeiras e sobe para cima delas para chegar à mesa, tenta caminhar carregando objectos mais pesados (adora carregar garrafas de água e arrastar garrafões de água!) enfim, um verdadeiro aventureiro!

 

Está cada vez mais confiante, mas quando as coisas não correm como ele quer, enerva-se, resmunga e é capaz de atirar os objectos/brinquedos ao ar, e chorar para mostrar o seu desagrado. Já percebe bem quais são os comportamentos que não gostamos (por serem perigosos ou errados), mas mesmo assim passa o tempo a desafiar-nos e a desobedecer-nos, e quando se apercebe, pela na nossa cara, que já chegamos ao "limite", lança o seu maior sorriso e a sua melhor gargalhada para nos desarmar por completo! 

 

Começou a lançar beijinhos, a dizer mamã e papá com mais frequência, e aprendeu a dizer água ("bábua"), é impressionante como ele percebe e capta tudo ao seu redor! 

 

Interage muito mais com as pessoas e até com os animais, adora passear na rua, é doido por gatos, adora que lhe façam cócegas, o lancem ao ar, dancem e cantem com ele! E o mais giro é vê-lo a tentar cantar também quando nós cantamos! 

 

Quanto ao dormir e à alimentação pouco ou nada se alterou, dorme cerca de umas 10 horas por noite (bebé dois biberões enquanto dorme, um à 1h e outro às 6h) e dorme entre 1 a 2 horas durante o dia... Já quanto aos alimentos continua a não gostar de peixe e de carne, por isso continua a comê-los juntamente com os legumes, numa espécie de puré. É verdade... Tem mais dentes que nunca e tem sofrido imenso à conta disso! 

 

Confesso que esta fase exige uma grande atenção da nossa parte e uma enorme energia, mas é (talvez) uma das fases mais engraçadas por ser tão rica em descobertas e aprendizagens!  O resto já devem imaginar... Continuamos cada vez mais apaixonados por este Principezinho... 

IMG_7813.JPG

PARA VER MELHOR...

IMG_7810.JPG

Este fim-de-semana fui trabalhar, por isso o Gui ficou com o meu marido em casa... A dada altura recebo uma fotografia enviada pelo meu marido: o Gui sentado em cima do móvel da televisão a ver desenhos animados!

 

A fotografia não tem muita qualidade, pois como devem imaginar, o meu marido quis registar o momento assegurando-se que o Gui não caía ao chão! Basta uma distracção de segundos para o Gui se aventurar a escalar qualquer coisa cá em casa, um verdadeiro destemido! E pensar que ainda tem 16 Mesinhos... Nem imaginam a quantidade de vezes que ele nos desafia ao longo do dia quando estamos em casa! Acho que qualquer dia o meu coração vai dar-lhe "qualquer coisinha má"...

BATIZADO DO PRINCIPEZINHO GUI

Hoje faz exactamente 1 mês que o nosso Principezinho foi Batizado e, como não podia deixar de ser, escolhemos o tema do "Pequeno Príncipe" como tema da festa.

 

Tudo foi escolhido e pensado ao pormenor, e a Madrinha do Gui foi, sem dúvida, uma ajuda muito preciosa para tudo, incluindo a decoração da festa que foi feita toda por ela (mais uma vez, MUITO OBRIGADA minha Amiga)!

 

O papá do Gui (o meu maridão) também comemorou mais uma década, por isso juntamos os amigos e a família mais próximos e festejamos tudo no mesmo dia! Estava tudo tão lindo e perfeito, que bom que foi partilhar beijos, abraços e sorrisos... Escusado será dizer que aproveitamos também para "matar as saudades" que tínhamos...

 

Aqui ficam algumas imagens da magia desse dia...

 IMG_7800.JPG

IMG_7801.JPG

IMG_7802.JPG

Um dia simples mas muito Especial! 💙

O PRIMEIRO CORTE DE CABELO

Não queria cortar o cabelo tão cedo ao Gui, porque adoro os caracóis que ele tem, o problema é que já começava a ficar bastante comprido, principalmente dos lados... E ele tinha tendência a puxar o cabelo de lado, ía para a frente dos olhos e ficava demasiado despenteado...

 

Hoje decidi cortar-lhe pela primeira vez umas pontinhas, peguei na tesoura e lá fiz um "cortesinho" quase mínimo, tão mínimo que se não dissesse o meu marido nem tinha dado conta (e tenho a certeza que as outras pessoas também!)... 

 

Coloquei uma foto de hoje e outra tirada há uns 3 ou 4 dias, e não é que afinal até se vê a diferença?! Acho que agora ficou ainda mais "Gato", não acham? 💙

20170926_224816.jpg

"UM OLHO NO BURRO, OUTRO NO CIGANO"

IMG_7685.JPG

Quem tem filhos conhece muito bem estas peças que se colocam nas tomadas de forma a evitar acidentes... Compramos estes adereços mal o Gui começou a gatinhar uma vez que sabíamos que mais tarde ou mais cedo ele acabaria por querer explorar estas "caixinhas misteriosas" (não fosse ele super curioso). Volta e meia lá tirávamos uma peça para colocar um telemóvel a carregar, ou o aspirador a funcionar... Fazíamos isto de forma discreta, e de forma natural, tão natural que não imaginávamos que o Gui tivesse alguma vez reparado da existência da mesma. Qual não é o nosso espanto, quando na semana passada, logo após virmos de férias, o Gui vai à gaveta onde a tal peça vermelha está guardada, pega na peça e começa a tentar imitar-nos, tentando retirar a peça que bloqueia a tomada! Fiquei incrédula a olhar para ele pois jamais imaginei que ele tivesse reparado neste nosso gesto, e o cúmulo é que ele memorizou bem pois volta e meia lá vai ele tentar imitar-nos!

IMG_7809.JPG 

Tudo isto para vos mostrar como as crianças são inteligentes e atentas, quando nós pensamos que elas estão distraídas no "seu mundo", elas vem e provam-nos exactamente o contrário, na verdade elas estão a observar o "mundo que é nosso"!

O GUI FEZ 15 MESES

O Gui completou 15 meses no passado dia 6 de Setembro, mas como estávamos de férias em Portugal só hoje é que consegui deixar o registo sobre esse mês...

 

Não fomos a nenhuma consulta este mês, mas sabemos que pesa 11.900gr e mede 82 cm.

 

Por incrível  que possa parecer, o Gui consegue estar cada vez mais traquina a cada dia que passa. 

 

Este mês foi marcado pelo uso do "não”, ou seja, tudo o que lhe perguntávamos de forma a responder "sim ou não" o Gui respondia sempre "não" (acenando a cabeça). Percebeu que a palavra "não" tem muito mais impacto, por isso, mesmo que não quisesse dar uma resposta negativa, a resposta era sempre não"! 

 

Está cada vez mais teimoso, por isso sempre que o contaríamos faz grandes birras e chora.

 

Começou a ter mais noção das partes do corpo humano (cabeça, pescoço, pés, mãos...) e consegue identificá-las quando lhe perguntamos. 

 

Compreende muitas mais palavras e mais perguntas simples, diz umas palavrinhas (cáca, gato, mamã, papá - cáca e gato são as suas palavras favoritas) e imita o som de alguns animais (o cão, o gato e o galo).

 

A imaginação começou a ter um papel importante: é capaz de encontrar coisas que lhe escondemos (porque tem memória), brinca com os bonecos dando-lhes vida própria, copia e imita tudo o que vê, quando pega num telefone tenta falar e sempre que está a comer alguma coisa tenta dar-nos de comer também (é muito engraçado pois aproxima a comida à nossa boca, faz "nham nham" e não descansa enquanto a comida não estiver na nossa boca, o pior é que por vezes apanha pedras no chão e tenta fazer-nos o mesmo).

 

Começou a perceber como se ajustam as coisas, procura empilhar blocos (embora tenha muita dificuldade), tenta colocar umas "coisas dentro de outras" e, se o estimulámos consegue recolher os brinquedos que estão espalhados.

 

Em relação à alimentação a única alteração é ter começado a tentar levar a colher à boca, embora nem sempre acerte, tem também um fascínio por beber água no nosso copo ou directamente na garrafa.

 

Um facto muito interessante é continuar a não estranhar ninguém (constatamos isso durante as nossas férias), e o mais peculiar é ter agora preferência pelo colo de pessoas do sexo masculino (é mesmo engraçado, pois mesmo que não conheça a pessoa de lado nenhum, estende os braços e reclama a pedir colo. Aconteceu-nos isto diversas vezes em lojas!)

 

Com tantas aprendizagens o Gui está cada vez independente e faz questão de mostrar mesmo isso, e nós sentimo-nos felizes por ver que ele cresce feliz!

IMG_7679.JPG

O GUI FEZ 14 MESES

O Gui completou 14 meses no passado domingo e, como já vem sendo habitual, este mês não foi excepção, também este passou à velocidade da luz! Fomos hoje à consulta de Pediatria e ficámos a saber que pesa agora 11.200gr e mantém os 80cm de altura.

 

Como devem imaginar, o Gui está cada vez mais traquina e com uma personalidade mais marcada, tem cada vez mais confiança nele e começa a querer mostrar a sua independência.

 

Está cada vez mais curioso e adora explorar tudo, por isso está sempre à procura da melhor forma de poder alcançar tudo o que se encontra no seu campo visual. Compreende cada vez mais palavras e perguntas simples, adora imitar-nos e está sempre a sorrir... Acho que já compreendeu que basta um sorriso para conseguir quase tudo o que quer!

 

Começou a ter preferência por alguns brinquedos, adora andar de triciclo, marcar cestos, gosta do vento e é fascinado pela Natureza e pelos animais! Adora dançar no colo, gosta que brinquem com ele, e consegue brincar mais tempo sozinho. Começou também a correr, e embora precise de mais algum treino, é bastante rápido, descobriu que correr no sentido oposto ao nosso é muito mais divertido, por isso está sempre a desafiar-nos.

 

A sua actividade preferida continua a ser desarrumar, adora colocar tudo fora do sítio, mas quando digo "tudo", é mesmo "tudo"! Fartamo-nos de lhe dizer "isso não Gui", "não Gui", mas ele faz que não nos percebe, e quando não gosta de ouvir começa a chorar, o mesmo não se aplica com outras pessoas, basta que lhe digam uma vez que ele deixa de fazer a asneira. Basicamente o Gui já percebeu que é capaz de "mandar em nós", por isso passa a vida a testar os nossos limites!

 

Quanto ao dormir e à alimentação pouco ou nada se alterou, a única diferenca é que ele gosta cada vez mais de comer sozinho, com as mãos. 

 

E é desta forma que o nosso Principezinho vai crescendo, cada dia uma nova descoberta, uma nova aventura e uma nova traquinisse... Confesso que nesta fase desgastamo-nos muito mais pois o facto dele andar de um lado para o outro e ser super curioso, faz com que ele se possa colocar em "risco" se nós não tivermos sempre de olho nele... E se querem saber mais, estamos a adorar este " tipo de cansaço" nas nossas vidas!

IMG_7640.JPG 

EXERCÍCIOS PARA EMAGRECER

Ora aqui está o meu segredo para conseguir estar mais magra... Ainda não tinha falado disto, mas estou mais magra agora do que antes de ser mãe! É certo que não ganhei muito peso durante a gravidez (aumentei uma média de 8kg), e mesmo comendo tudo o que me apetecia consegui não só controlar a minha diabetes gestacional como támbem o meu peso... Benditas caminhadas de 20 minutos que fiz, depois das refeições e sempre que abusava nos açúcares ou nos fast-foods! Acho que a genética também jogou muito a meu favor pois a minha mãe diz que nunca aumentou muito de peso quando esteve grávida. Agora o caso é outro, eu como, como, e como e o meu peso mantém-se nos valores mais baixos de sempre... Pensando bem, nem me lembro da última vez que pesei 56-57 kg, acho que devia ter uns 16 ou 17anos. Isto de ser mãe e trabalhar ao mesmo tempo exige um maior esforço da minha parte, e reconheço que dispenso muita mais energia em casa que no trabalho porque o Gui simplesmente não pára! Por isso, para quem quiser emagrecer aqui ficam alguns exercícios que pratico diariamente e que têm um resultado extraordinário (Eh... Eh... Eh...)!

IMG_7197.JPG

AFINAL ESTAVA ENGANADA

IMG_7603.JPG

Depois do episódio de ontem, hoje decidi voltar então ao supermercado... Ía sem qualquer esperança, mas mesmo assim fui para ter a certeza...

 

Ainda não tinha chegado à "área das informações" e a funcionária já olhava para mim, ao mesmo tempo que abria a porta de um armário... Nem foi preciso dizer nada, a senhora ainda se lembrava de mim do dia anterior, e num ápice tirou a sapatilha do armário e entregou-ma com o mesmo sorriso que eu a recebi!

 

Mas que boa noticia, não é que as sapatilhas tivessem sido caras, mas foram as primeiras sapatilhas com sola que o Gui teve, e foi com elas que ele deu os seus primeiros passinhos... Ainda bem que eu estava enganada, felizmente ainda existem pessoas sérias que fazem boas acções!

 

PROCURA-SE

IMG_7595.JPG

Hoje o Gui perdeu o seu primeiro sapato... Fomos às compras e depois de várias voltas no supermercado olho para o Gui, que estava no carrinho todo animado, e lá estava ele sem uma das suas sapatilhas! Ainda percorremos os corredores onde passamos umas quatro ou cinco vezes, perguntei a vários funcionários se alguém tinha encontrado, mas não obtivemos nenhum sinal.

 

Amanhã, vamos voltar ao supermercado para ver se entretanto alguém encontrou e entregou a sapatilha, mas se querem saber, acho que este é um caso perdido... Haver vamos!

COISAS DE MÃE

IMG_7511.JPG