Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Nossas Voltas

A vida dá muitas voltas, e foi numa dessas voltas, que nos tornamos emigrantes e viemos parar a Paris. Um blog sobre um pouco de mim, um pouco de nós, o dia-a-dia e não só.Simples mas cheio de ternura e dedicação!

O AUMENTO DO PESO NA GRAVIDEZ

image.jpeg

Se há assunto que se fala quando se está grávida é do peso que se adquire ao longo da gravidez... Sabemos que vamos aumentar de peso, mas não se pode prever o quanto vamos aumentar até porque isto vai variar de mulher para mulher e de gravidez para gravidez. 

 

De uma forma geral, a grávida deve engordar entre 7 a 15 Kg durante os nove meses ou as 40 semanas de gestação, com excepção das mulheres com baixo peso ou obesidade, mas este peso vai depender muito do peso que se tinha antes de engravidar, mais concretamente do Índice de Massa Corporal (IMC  = peso (quilos) ÷ altura² (metros)).

 

Por isso, é importante saber o Índice de Massa Corporal (ver tabela a seguir), antes de engravidar, pois quanto maior o IMC inicial menos se deverá engordar.

IMC.jpg 

Normalmente, nos três primeiros meses a grávida não aumenta muito de peso, e pode até emagrecer, devido às náuseas, à diminuição de apetite, ou aos vómitos, provocadas pelas mudanças hormonais. Desde que a grávida se mantenha hidratada e o bebé receba os nutrientes essenciais para se desenvolver, a falta de aumento de peso nesta fase não deve ser motivo de alarme.

 

No segundo e terceiro trimestres, regra geral, as náuseas e os vómitos desaparecem, o apetite aumenta, e é natural que se engorde mais.

 image.jpeg

O facto de se engordar de forma gradual e moderada mostra que o corpo da mulher está a proporcionar ao bebé os nutrientes de que este necessita para crescer de forma saudável. Daí que a vigilância do peso durante a gravidez faça parte das rotinas das consultas pré-natais pois, caso o médico considere necessário, a grávida será reencaminhada para uma consulta de nutrição.

 

Para se ter uma ideia de como é distribuído o peso final de uma grávida, calcula-se que:

  • ao nascer, o bebé vai pesar entre 3 a 3,8Kg
  • a placenta 500gr a 1Kg
  • o útero 1Kg
  • o volume de sangue que circula no corpo cresce, e todo o sangue extra pesa uma media de 1,2kg
  • a gordura corporal vai variar entre 1,8 a 4Kg
  • o tecido das mamas vai aumentar cerca de 500gr
  • a retenção de líquidos, além do líquido amniótico que envolve o bebé, é responsável por cerca de 2Kg

É claro que estes valores não passam de uma média, daí que nem todas as grávidas vão aumentar de peso da mesma forma.

 

Mais importante que o peso, é a nutrição que a grávida deve ter, pois independentemente do peso inicial, o importante é que a grávida tenha uma dieta equilibrada de forma a garantir a saúde do bebé e o bom desenvolvimento da gravidez, evitando os exageros nas calorias, os açúcares e os fritos; comendo pequenas porções, várias vezes por dia; sem esquecer de evitar o jejum por mais que 4 horas (durante o período em que se está acordado). Ninguém melhor que o médico para acompanhar e orientar o ganho de peso de uma grávida.

4 comentários

Comentar post